29 de novembro de 2019 às 15:19

ALERJ aprova relatório final da CPI do Hospital da Mulher de Cabo Frio


Crédito:Reprodução/Clique Diário

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (ALERJ) aprovou, em discussão única, o relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), criada para investigar o alto número de mortes de recém-nascidos no Hospital da Mulher de Cabo Frio.

O documento elaborado ao longo dos meses foi finalizado com 138 recomendações para órgãos municipais, estaduais e federais, e propõe 11 projetos de lei.

Para a presidente do grupo, deputada Renata Souza (PSol), é urgente a criação de um Programa estadual de combate à violência obstétrica. "Com o que foi apurado durante o trabalho da comissão vimos que é importante aprimorar toda a rede de saúde de atendimento à mulher. No caso do Hospital de Cabo Frio, que foi o foco do nosso trabalho, direitos básicos das parturientes foram desrespeitados", ressaltou.

A CPI também recomenda a criação de uma ouvidoria na unidade hospitalar de Cabo Frio, além da ampliação de leitos e do número de profissionais de saúde no atendimento aos pacientes.

Fonte: Clique Diário

comentários

Estúdio Ao Vivo