23 de fevereiro de 2021 às 10:01

Justiça dá 72 horas para governo explicar troca na Petrobras


Crédito:Reprodução/Internet

Em decisão do juiz André Prado Vasconcelos, da 7ª Vara Federal Cível de Minas Gerais, o governo federal tem até 72 horas para explicar a troca de comando na Petrobras. No despacho o magistrado pede que o governo mostre "de forma concisa e objetiva, as razões e argumentos que entender pertinentes e relevantes à discussão da causa".

O juiz busca atender um pedido de liminar em uma ação popular que questiona a troca da presidência da estatal, anunciada pelo presidente Jair Bolsonaro.

Na sexta-feira (19), Bolsonaro indicou o general Joaquim Luna e Silva para a presidência da Petrobras, no lugar de Roberto Castello Branco. A troca depende da autorização do conselho da companhia, o que é citado no texto do juiz. "Por oportuno, destaco que, conforme amplamente divulgado pelos veículos de comunicação, a aprovação do indicado para a presidência da Petrobras depende de deliberação do respectivo Conselho de Administração, ainda não ocorrida", relata.

Fonte: Portal R7

comentários

Estúdio Ao Vivo