06 de abril de 2021 às 08:27

Paulo Guedes dispara: 'Quanto mais para futuro reforma administrativa ficar, mais dura ela será'


Crédito:Reprodução da internet

 O ministro da Economia, Paulo Guedes, ameaçou nesta segunda-feira com uma reforma administrativa mais dura no futuro caso o projeto enviado pelo governo ao Congresso não seja aprovado no curto prazo. "Estamos colocando parâmetros parecidos com os do resto do mundo. Seria um erro muito grande atrasar essa reforma agora, porque quanto mais para o futuro reforma administrativa ficar, mais dura ela vai ser. Se deixar para outro governo lá na frente, ele será muito mais duro", ameaçou, em videoconferência com a XP Investimentos.

Mais uma vez, o ministro considerou não ser razoável que a reforma administrativa atinja direitos passados dos servidores que já estão na ativa. "Acho que as leis devem ser prospectivas e aplicadas daquele momento para frente", considerou

Ainda assim, ele voltou a projetar a aprovação de reformas estruturais ainda em 2021. "Acho que o Congresso está pensando nesse tempo. A administrativa é candidato natural é mais fácil que tributária. Mas seria muito bom ver as duas reformas aprovadas até fim do ano", afirmou.  

Fonte: O Dia

comentários

Estúdio Ao Vivo