Prefeitura atua para o fim de lançamento de esgoto na Lagoa

Um dos cartões postais de Macaé, a Lagoa de Imboassica está sendo o foco de um plano de trabalho conjunto para colocar um fim ao lançamento de efluentes sanitários no local. Em reunião realizada com representantes do Instituto Estadual do Ambiente/Secretaria Estadual do Ambiente (Inea/Seas), da BRK Ambiental, da Secretaria de Ambiente e Sustentabilidade, da Secretaria Adjunta de Saneamento e do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Rio das Ostras (SAAE) foi definida a estratégia que começa com a identificação dos contribuintes que não estão ligados à rede coletora de esgoto.

A ação atende uma solicitação do prefeito Welberth Rezende indo ao encontro das políticas públicas municipais que buscam a preservação de recursos naturais, bem como o fomento de ações ligadas ao turismo e esporte sustentável na Lagoa, a partir de medidas que garantam a qualidade da água.

Durante o encontro, foi definida como meta principal zerar as contribuições de efluentes e dejetos feitos por empresas e residências na Lagoa de Imboassica. Para isso, dentro de 30 dias, um relatório será apresentado pela BRK Ambiental, com um mapeamento atualizado dos contribuintes que não fizeram a ligação à rede.

“Nesta primeira etapa será feito esse diagnóstico para identificar as contribuições irregulares. Posteriormente, uma ação conjunta deste grupo de trabalho irá notificar os responsáveis para que realizem, dentro de um prazo de 90 dias, a interligação devida”, explica o secretário adjunto de Saneamento, Ricardo Moreira, acrescentando que o não cumprimento implicará em multa.

O secretário de Ambiente e Sustentabilidade, Rodolfo Coimbra, afirmou que ações de conscientização abrirão todo esse processo. ''Queremos sensibilizar as pessoas, mostrar pra que a Lagoa é um bem pra eles. Eles que aproveitam e apreciam esse espaço'', disse.

"É um desejo do prefeito que possamos minimizar o derramamento de esgoto sanitário dentro da Lagoa de Imboassica que ele considera, e eu também, uma das áreas mais bonitas de Macaé. Por isto nós reunimos todos os atores, Secretaria de Ambiente do Município, Saneamento, nós (Inea), a BRK e o SAAE para estabelecermos um plano de trabalho que será colocado imediatamente em ação nesta semana. Vamos colocar vistoria no local”, afirmou o superintendente regional do Inea/Seas, Ronaldo Paes Leme.

Comentários